comparacao_da_termorregulacao_de_vacas_holandesas_em_sistema_compost_barn_913101498611793.pdf (402.06 kB)
0/0

Comparação da termorregulação de vacas holandesas em sistema compost barn

Download (402.06 kB)
journal contribution
posted on 07.08.2017 by Joel Pizzatto, Frederico Márcio Corrêa Vieira, Rodrigo Macagnan, Lilian Regina Rothe Mayer, Nubia da Silva Oliveira, Jaqueline Agnes Pilatti

Atualmente grande parte dos bovinos no Brasil e no mundo sofre com o estresse térmico que causa diversos efeitos maléficos em vacas leiteiras, gerando perdas significativas na produção, reprodução e também na imunidade dos animais. O objetivo deste trabalho foi analisar a frequência respiratória de vacas holandesas e de vacas mestiças (3/4 holandesas) em sistema compost barn. O presente estudo foi realizado no município de Dois Vizinhos, sendo situado no sudoeste do estado do Paraná. As avaliações ocorreram nos meses de março e abril do ano de 2017. Os animais do presente estudo foram divididos em 2 tratamentos, sendo 4 vacas holandesas e 4 vacas mestiças, as quais ficaram alojadas com outros animais no sistema compost barn, avaliando-se a frequência respiratória dos animais, a temperatura e umidade relativa do ar. Os dados coletados foram analisados por meio de gráficos, no programa Excel. Os valores máximos para a frequência respiratória foram de 75 mov/min e 74 mov/min, para as vacas holandesas e mestiças, respectivamente. Neste trabalho verificou-se que não houve diferença na termorregulação dos animais, pois é um ambiente homogêneo para os tratamentos. Além disso, os animais mestiços possuem maior característica da raça holandesa logo as frequências respiratórias dos animais mantiveram-se semelhantes.

History

Licence

Exports

Logo branding

Licence

Exports